MENU
ecoponto

Almada alerta sobre recolha condicionada de resíduos

29 Abril, 2014 • Redação • Sociedade

Share Button

Devido à greve dos trabalhadores da Amarsul – Valorização e Tratamento de Resíduos Sólidos, a 30 de abril e 2 de maio, a Câmara de Almada está a solicitar a “compreensão da população para eventuais transtornos causados”, ao mesmo tempo que pede para que “não sejam depositados resíduos fora dos locais apropriados”.

Com a greve a apanhar o Dia do Trabalhador, 1 de maio, data em que “não haverá recolha de lixo no Concelho de Almada”, a autarquia deixa este alerta para evitar o acumular de ainda mais resíduos na via pública

É que sendo a Amarsul também responsável pela reciclagem nos ecopontos, a recolha seletiva de papel, vidro e embalagens poderá ser afetado até “4 de maio”, acrescenta nota da autarquia.

O mesmo apelo está a ser feito também pelas câmaras municipais do Seixal e Sesimbra.

Apesar deste transtorno, a Câmara de Almada afirma estar com os trabalhadores desta empresa, participada em 49 por cento pelos nove municípios da península de Setúbal e em 51 por cento pelo Estado, através da Empresa Geral de Fomento. A greve dos trabalhadores é uma forma de luta contra a privatização da parte estatal.

Artigos Relacionados

Uma resposta a Almada alerta sobre recolha condicionada de resíduos

Deixe uma resposta

« »