MENU
O FRONTEIRAS pretende ser um espaço de debate e confronto de ideias em torno de um tema geral

Almada entre as melhores cidades para investir, visitar e viver

19 Fevereiro, 2014 • Redação • Destaque, Economia

Share Button

Almada está entre as 25 cidades melhores cidades portuguesas para investir, visitar e viver, mais precisamente em 18º lugar, segundo um estudo elaborado pela consultura internacional Bloom Consulting, que analisou o desempenho dos 308 municípios portugueses nestas três vertentes.

Setúbal também está no top 25 do “Portugal City Brand Ranking” das cidades mais atrativas em à qualidade de vida e aos setores do investimento e do turismo, surgindo cinco posições à frente de Almada, na 13ª posição.

O relatório elaborado pela Bloom Consulting baseia-se em estatísticas oficiais e em pesquisas online, e analisa variáveis como o número de novas empresas, as taxas de ocupação hoteleira, desemprego, criminalidade e poder de compra da população em cada um dos municípios em comparação com a média nacional.

De acordo com o relatório, a 18ª posição de Almada foi obtida através do 20º lugar na área de negócios, do 18º no setor do turismo e do 14º lugar no que diz respeito à qualidade de vida. Setúbal, por seu lado, obteve a 14ª posição em negócios, o 24.º lugar em turismo e o 13.º lugar na vertente qualidade de vida.

No que diz respeito à Área Metropolitana de Lisboa, em 18 municípios, Setúbal surge em quinto lugar, Almada em sexto e Sesimbra em sétimo. Seixal, Montijo e Palmela ocupam as 10.ª, 11.ª e 12.ª posições, sendo que Alcochete surge em 15.º lugar. Barreiro e Moita ocupam os dois últimos lugares.

Este é o primeiro relatório da Bloom Consulting sobre os municípios, e vem na sequência de outros já feitos sobre países e regiões. No documento, a consultora explica que o estudo é destinado “ao público em geral interessado em política, reputação, economia, cidadania e urbanismo”.

Artigos Relacionados

Uma resposta a Almada entre as melhores cidades para investir, visitar e viver

Deixe uma resposta

« »