MENU
ferries_Transtejo

Câmara de Almada contra fim de ferries em Cacilhas

29 Abril, 2014 • Redação • Destaque, Sociedade

Share Button

A abertura do serviço de ferries da Transtejo entre a Trafaria e Lisboa é bem-vinda pela autarquia almadense que, no entanto, manifesta sentimento contrário quanto ao encerramento do transporte fluvial de viaturas entre Cacilhas e a capital. “Não se encontra fundamentação suscetível de suportar uma tal decisão”, afirma o presidente da Câmara de Almada.

Joaquim Judas realça as conhecidas “limitações de circulação na Ponte 25 de Abril”, pelo que o transporte fluvial de automóveis “continua a responder às necessidades de deslocação de um número significativo de utentes e de famílias”. Mais do que isso, alega que “não existem demasiados recursos para o transporte de atravessamento do rio Tejo nas suas ligações entre Almada e os concelhos da Margem Sul do Tejo e Lisboa”.

Sustentando agir em “defesa dos interesses dos cidadãos e dos utentes”, o presidente da Câmara de Almada avança que vai apelar à administração da empresa pública Transtejo para que a decisão de eliminar a ligação de ferries entre Cacilhas e Lisboa “seja devidamente reavaliada à luz das reais necessidades dos utentes”.

Quanto ao serviço de ferries da Transtejo na Trafaria e Porto Brandão, Joaquim Judas reconhece que este “poderá constituir um contributo importante para a dinamização económica de uma área do concelho cuja influência ultrapassa a Freguesia da Trafaria beneficiando igualmente a Costa da Caparica, Caparica, Sobreda e Charneca de Caparica”.

Artigos Relacionados

Uma resposta a Câmara de Almada contra fim de ferries em Cacilhas

Deixe uma resposta

« »