MENU
PCP reune com pensionistas da URPICA

PCP critica Governo em reunião com pensionistas de Almada

15 Abril, 2014 • Redação • Política

Share Button

O PCP considera que os reformados e pensionistas têm sido dos mais afetados com as iniciativas legislativas “gravosas” aplicadas pelos governos PS e, atualmente, pelo governo PSD/CDS. Um tema abordado numa sessão na União de Reformados Pensionistas e Idosos do Concelho de Almada (URPICA), sobre “Mudar de políticas para mudar a vida dos reformados”.

Neste encontro integrado num ciclo em várias associações de reformados e centros de convívio dos concelhos da península de Setúbal, iniciado em Fevereiro, participou o deputado da Assembleia da República Bruno Dias e membro da organização comunista de Setúbal, que realçou a “redução drástica dos rendimentos da maioria dos reformados, pensionistas e idosos, e da profunda ligação dessas decisões dos governos portugueses às diretrizes da União Europeia e Parlamento Europeu”.

De entre as propostas que o PCP tem apresentado na Assembleia da República condenando estes cortes, Bruno Dias apontou a que exigia um “aumento digno das pensões de reforma, e que foi chumbada pelo PS, PSD e CDS”.

Perante os cerca de 70 reformados que estiveram nesta sessão, o deputado comunista condenou ainda os partidos que recusaram a proposta do PCP sobre a lei da condição de recursos que, segundo afirmou, “penaliza muitos pensionistas pelo facto de integrar na contabilização de rendimentos para a avaliação da atribuição da pensão, recursos que não são do pensionistas mas sim de seus familiares, por exemplo, bolsas de estudos de netos ou pensão de alimentos paga por ex-genros”.

Artigos Relacionados

Uma resposta a PCP critica Governo em reunião com pensionistas de Almada

Deixe uma resposta

« »